Conheça os diferentes tipos de argila e os benefícios de cada uma para sua beleza

Alessandra Moura
Do UOL, em São Paulo

  • Thinkstock

    Embelezador natural, a argila tem diversas propriedades que acalmam, hidratam e equilibram a pele

    Embelezador natural, a argila tem diversas propriedades que acalmam, hidratam e equilibram a pele

Ela não é nova nas prateleiras nem foi formulada em uma mesa de laboratório. Mas a argila, utilizada há tantos anos em tratamentos de beleza, está de volta à rotina das mulheres. Cada vez mais presente em produtos e clínicas de estética, esta substância natural é ótima aliada para deixar rosto, corpo e até cabelos mais bonitos.

Esta espécie de retomada se deve à popularização de novos tipos de argila. "Antigamente, só ouvíamos falar de dois: a argila verde e a amarela. Agora, temos um leque de opções que tratam flacidez, rugas, acne, excesso de oleosidade, gordura localizada e muitas outras coisas", diz a esteticista Blanch Marie, da clínica Blanch Marie Spa Urbano, de São Paulo.

Produtos e tratamentos que utilizam argila
Veja Álbum de fotos

O que diferencia cada tipo é sua composição. "Cada argila possui proporções diferentes de minerais e oligoelementos, como o ferro, alumínio, magnésio, sílica, cálcio, entre outros" explica Cristiane Braga, especialista em dermatologia, medicina estética e tricologia.

E a especialista alerta: não é qualquer barro encontrado por aí que pode ser considerado terapêutico. "A argila é formada por grãos extremamente pequenos, praticamente invisíveis a olho nu. Assim, a terra que encontramos facilmente é areia e não argila", diz Cristiane.

Então nada de correr riscos; conheça a seguir os tipos de argila e suas aplicações estéticas e confira uma galeria com produtos e tratamentos que utilizam esta "lama" do bem.

Tipos de argila e suas aplicações

Branca: Clareadora

Indicada para peles sensíveis e desidratadas, possui pH muito próximo ao da pele e é a mais suave de todas. Apresenta efeitos clareador, cicatrizante a anti-inflamatório. “Ela absorve a oleosidade da pele sem desidratar e apresenta ação tensora branda. Pode ser usada em todos os tipos de pele, especialmente nas expostas por demais ao sol”, explica Thais Pepe, dermatologista.

Amarela: Tensora

“Esta argila é rica em elementos responsáveis pela formação da base de colágeno da pele, por isso é indicada para rejuvenescimento e tratamentos cosméticos”, diz Blanch Marie. Ela aumenta a elasticidade da pele, combate e retarda o envelhecimento, tem bom efeito tensor e reduz rugas e inflamações.

Vermelha: Redutora

Esta argila é própria para peles sensíveis e rosadas. “Com grande capacidade de absorver temperaturas, é redutora de pesos e medidas. Em tratamento facial, aplicada com movimentos circulares e esfoliantes, promove intensa renovação celular”, conta Rosana Batestusso, do Instituto Brasileiro de Naturologia. Quando misturada com a Branca, se transforma na Argila Rosa, mais suave e com ação desinfetante e cicatrizante.

Verde: Adstringente

Esta é a argila ideal para quem tem pele oleosa ou jovem. “É indicada para sugar toxinas, além de tratar acne e seborréia causadas por acúmulo excessivo de gordura na pele. É antioxidante, adstringente, tonificante e estimulante”, explica Rosana. Tem ação bactericida e cicatrizante.

Marrom: Revitalizadora

Com efeitos purificante, adstringente, cicatrizante e tonificador, esta é uma argila mais rara devido a sua pureza. “É eficaz contra a acne, ativa a circulação, tem efeito rejuvenescedor, equilibrador e revitalizador da pele e células”, diz Blanch.

Preta: Desintoxicante

Também conhecida como Lama Negra ou Vulcânica, é a mais nobre de todas as argilas e muito utilizada para a desintoxicação da pele, principalmente as oleosas. “Tem ação anti-inflamatória, absorvente e anti-estresse, além de ser um excelente agente rejuvenescedor. Pode ser usada para tratamentos de doenças”, explica Thais. Melhora a circulação sanguínea, prevenindo a artrose.

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos