Corte médio, que faz a cabeça das famosas, é versátil e atual; veja como aderir

Luciana Hruby
Do UOL, em São Paulo

A atriz Isabelle Drummond tem feito sucesso com a transformação no visual de sua personagem Cida, na novela “Cheias de Charme”. As madeixas que no início da trama eram longas e sem graça ganharam um novo look com comprimento na altura dos ombros, inspirado na “it girl” Olivia Palermo. Há poucos dias, Isabelle participou do evento de moda em cabelos Hair Fashion Show e apareceu com os fios bem lisos e um aplique de franja, criação do cabeleireiro Celso Kamura.

Isso mostra a versatilidade do cabelo médio, que também pode ser ligeiramente acima dos ombros. “Ele é perfeito para quem deseja uma mudança, mas não radical, e também não quer demorar horas arrumando os fios”, afirma o cabeleireiro Rodrigo Lima, do salão Circus Hair (SP).

Esse comprimento aceita formas e penteados variados. “Ele tem uma grande gama de cortes, adaptáveis aos diferentes formatos de rosto”, afirma o cabeleireiro Luiz Cintra, do salão Emília Borges, unidade Brooklin (SP).

  • Diferentes apresentações do corte médio: alongado na parte da frente (Flávia Alessandra), repicado em camadas (Katharine McPhee) e com franja na diagonal (Olivia Wilde)

Segundo o especialista, fios repicados em camadas são bons para dar volume às laterais de faces compridas. Quem tem rosto redondo pode optar por um chanel com a  parte da frente mais longa que a de trás. Mulheres que possuem a testa mais larga que o queixo (formato de rosto chamado de triângulo invertido) devem preferir um corte repicado na altura da boca, que dá a impressão de aumentar a largura do maxilar, equilibrando as proporções. Qualquer uma dessas variações pede manutenção entre 45 e 60 dias.

Se as suas madeixas são cacheadas, evite pedir uma versão repicada demais para não acrescentar ainda mais volume ao cabelo. Lembre-se também de pedir que o cabeleireiro corte os fios alguns dedos abaixo da altura dos ombros, pois quando eles estiverem secos vão subir um pouco. Caso fiquem muito curtos, não terão peso suficiente para um bom resultado.

Uma ótima maneira de adicionar charme ao cabelo médio é complementá-lo com uma franja, recurso que confere jovialidade à aparência. O modelo diagonal, na altura do nariz ou da boca, traz movimento ao look. A que fica em cima da testa, alinhada com a sobrancelha, pode dar um ar infantil demais em mulheres mais velhas. Nesse caso, a solução é deixar as laterais da franja um pouco maior.

Na hora de arrumar as madeixas, lisas, onduladas ou cacheadas, lance mão de finalizadores. “O silicone ajuda a tratar e valorizar as pontas. Já a cera e a pomada dão textura aos fios e evidenciam os cortes repicados e desfiados”, explica Luiz Cintra. Um mousse também é útil para definir melhor ondas e cachos ou encorpar cabelos muito finos.



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos