Informações sobre o álbums
  • editoria:Geral
  • galeria: Enquete
  • link: http://mulher.uol.com.br/casa-e-decoracao/album/2011/05/12/escritorios.htm
  • totalImagens: 126
  • fotoInicial: 0
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20110610213816
Fotos
No apartamento projetado pela arquiteta Juliana Pippi, o estúdio de 11 m² ganhou isolamento acústico. A parede revestida de tijolo inglês, a persiana em tecido, o gesso rebaixado no teto e o revestimento interno em lã de rocha ajudam a impedir que o som incomode os vizinhos ou vaze para os outros cômodos. O papel de parede remete ao concreto e é outro diferencial da decoração DivulgaçãoMais
"Home Office" projetado por Ivan Rébora e Laura, da escola ARS. Até 21 de fevereiro de 2012, a Casa Cor Punta del Este apresenta 27 ambientes desenvolvidos por arquitetos, paisagistas, decoradores e designers de interiores no Centro Cultural Pueblo Blanco, uma construção imponente em estilo mediterrâneo na cidade uruguaia. A mostra inaugura o calendário de exposições da marca "Casa Cor". Além do Uruguai, Panamá, Peru e Chile são sedes internacionais do evento de decoração. Mais informações, no site da mostra DivulgaçãoMais
O home office é o lugar onde a filha costumava estudar e que, agora, serve como espaço de trabalho. Atrás do computador, uma chapa metálica pintada de prata serve para fixar, com imãs, recados e fotos. A poltrona "Santa Bárbara", da Saccaro, compõe um cantinho de leitura, ao lado da estante em laca branca com nichos para guardar livros e objetos. O apartamento tem design de interiores pensado pela arquiteta Patrícia Volpato e fica na praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis (SC) Phillipe Arruda/DivulgaçãoMais
CASA OFFICE: Escritório de Valdemar Iódice assinado pela arquiteta Moema Wertheimer. Inspirado em um loft nova-iorquino e na personalidade do estilista e empresário. O espaço foi escolhido como melhor projeto de escritório da Casa Cor Trio, 2011 A exposição reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório de Valdemar Iódice assinado pela arquiteta Moema Wertheimer. Inspirado em um loft nova-iorquino e na personalidade do estilista e empresário. O espaço foi escolhido como melhor projeto de escritório da Casa Cor Trio, 2011 A exposição reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório de Valdemar Iódice assinado pela arquiteta Moema Wertheimer. Inspirado em um loft nova-iorquino e na personalidade do estilista e empresário. O espaço foi escolhido como melhor projeto de escritório da Casa Cor Trio, 2011 A exposição reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório de Valdemar Iódice assinado pela arquiteta Moema Wertheimer. Inspirado em um loft nova-iorquino e na personalidade do estilista e empresário. O espaço foi escolhido como melhor projeto de escritório da Casa Cor Trio, 2011 A exposição reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empresário assinado por Maurício KaramA Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empresário assinado por Maurício KaramA Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empreendedor, projeto de Carla Fazenda e Lígia Vegas A Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empreendedor, projeto de Carla Fazenda e Lígia Vegas A Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empreendedor, projeto de Carla Fazenda e Lígia Vegas A Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empresário assinado por Maurício KaramA Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empresário assinado por Maurício KaramA Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empreendedor, projeto de Carla Fazenda e Lígia Vegas A Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório de Valdemar Iódice assinado pela arquiteta Moema Wertheimer. Inspirado em um loft nova-iorquino e na personalidade do estilista e empresário. O espaço foi escolhido como melhor projeto de escritório da Casa Cor Trio, 2011 A exposição reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empreendedor, projeto de Carla Fazenda e Lígia VegasA Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
CASA OFFICE: Escritório do Empresário assinado por Maurício KaramA Casa Cor Trio reúne três mostras sobre os temas "saborear, celebrar e trabalhar", respectivamente: a CASA BOA MESA, com novidades em decoração e arquitetura voltadas ao prazer de cozinhar e receber bem; a CASA FESTA que sugere soluções para diferentes tipos de eventos; e a CASA OFFICE, apresentando tendências em mobiliário e decoração corporativa para escritórios. Com 39 ambientes, a Casa Cor Trio fica em cartaz de 8 de novembro a 4 de dezembro de 2011, no Jockey Club de São Paulo. Os ingressos custam, em média, R$ 33. Informações: (11) 3819-7955 ou através do site da Casa Cor Kátia Kuwabara/UOLMais
Home Office criado por Noemi e Edson Marques. A Casa Cor Pernambuco ocupa o casario tombado na praia dos Milagres, em Olinda, cidade considerada Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade pela UNESCO. A mostra utilizará quatro casas no estilo chalé, uma torre que servia de mirante, o Clube Atlântico e o antigo Cine Olinda, que estava fechado há 47 anos. São 74 arquitetos, designers, paisagistas e decoradores, 38 ambientes e 5 mil m². Neste ano, o evento presta uma homenagem ao sociólogo Gilberto Freyre e à casa brasileira. A Casa Cor PE fica em cartaz de 8 de novembro a 13 de dezembro de 2011, na Avenida Sisgimundo Gonçalves, 700. Os ingressos custam R$ 30, mas maiores de 60 anos e estudantes com identificação pagam meia entrada. Mais informações pelo telefone (081)3325-6328 ou através do site da exposição DivulgaçãoMais
A preocupação da arquiteta Camila Klein ao idealizar o projeto de interiores do apartamento foi dar leveza ao nicho para notebook localizado no canto do quarto. Daí as prateleiras de vidro e o espelho na porta do armário. O espaço é complementado pelo pufe de sarja branco (Arredatori). Lustre Light Center Bruno Barriguelli/DivulgaçãoMais
Escritório da agência de publicidade assinado por Penélope Batista e Laiana Dias. A mostra Morar Mais por Menos abre suas portas em 26 de outubro de 2011, na Casa do Candango, na 603 Sul, em Brasília. A exposição, que fica em cartaz até 04 de dezembro, tem lugar na cidade desde 2007. Na edição deste ano são 35 ambientes que oferecem soluções para o décor que "cabem no bolso". Os ingressos custam R$ 30. Mais informações no site do evento ou pelo telefone (61) 3242-4789 Haruo Mikami/ DivulgaçãoMais
Home Office criado por María José Rementeria e Pia Urzúa. A Casa Cor Chile estreia no Santiago Paperchase Club, um centro de equitação da capital Santiago. São mais de 50 ambientes e 45 dias de mostra, de 08 de outubro a 20 de novembro de 2011. Mais informações, no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório "para o Mundo" criado pelas arquitetas Marcella Lima e Márcia Albuquerque Sá. A Casa Cor Ceará chega a sua 13ª edição. A mostra fica em cartaz de 06 de outubro a 22 de novembro de 2011 em uma construção do século 19, na praia de Iracema, em Fortaleza. Além da área oferecida pelo edifício antigo, a exposição conta com 180m² da "Casa do Futuro", um anexo de estruturas metálicas. A casa Cor Ceará funciona de terça a domingo, das 16h às 22h. Os ingressos custam, em média, R$ 34. Mais informações, no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório "para o Mundo" criado pelas arquitetas Marcella Lima e Márcia Albuquerque Sá. A Casa Cor Ceará chega a sua 13ª edição. A mostra fica em cartaz de 06 de outubro a 22 de novembro de 2011 em uma construção do século 19, na praia de Iracema, em Fortaleza. Além da área oferecida pelo edifício antigo, a exposição conta com 180m² da "Casa do Futuro", um anexo de estruturas metálicas. A casa Cor Ceará funciona de terça a domingo, das 16h às 22h. Os ingressos custam, em média, R$ 34. Mais informações, no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório do industrial projetado pelas arquitetas Celina Fiuza e Ana Fiuza. A Casa Cor Ceará chega a sua 13ª edição. A mostra fica em cartaz de 06 de outubro a 22 de novembro de 2011 em uma construção do século 19, na praia de Iracema, em Fortaleza. Além da área oferecida pelo edifício antigo, a exposição conta com 180m² da "Casa do Futuro", um anexo de estruturas metálicas. A casa Cor Ceará funciona de terça a domingo, das 16h às 22h. Os ingressos custam, em média, R$ 34. Mais informações, no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório do industrial projetado pelas arquitetas Celina Fiuza e Ana Fiuza. A Casa Cor Ceará chega a sua 13ª edição. A mostra fica em cartaz de 06 de outubro a 22 de novembro de 2011 em uma construção do século 19, na praia de Iracema, em Fortaleza. Além da área oferecida pelo edifício antigo, a exposição conta com 180m² da "Casa do Futuro", um anexo de estruturas metálicas. A casa Cor Ceará funciona de terça a domingo, das 16h às 22h. Os ingressos custam, em média, R$ 34. Mais informações, no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório do advogado assinado pelo arquiteto Marçal Barros. A Casa Cor Ceará chega a sua 13ª edição. A mostra fica em cartaz de 06 de outubro a 22 de novembro de 2011 em uma construção do século 19, na praia de Iracema, em Fortaleza. Além da área oferecida pelo edifício antigo, a exposição conta com 180m² da "Casa do Futuro", um anexo de estruturas metálicas. A casa Cor Ceará funciona de terça a domingo, das 16h às 22h. Os ingressos custam, em média, R$ 34. Mais informações, no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório do advogado assinado pelo arquiteto Marçal Barros. A Casa Cor Ceará chega a sua 13ª edição. A mostra fica em cartaz de 06 de outubro a 22 de novembro de 2011 em uma construção do século 19, na praia de Iracema, em Fortaleza. Além da área oferecida pelo edifício antigo, a exposição conta com 180m² da "Casa do Futuro", um anexo de estruturas metálicas. A casa Cor Ceará funciona de terça a domingo, das 16h às 22h. Os ingressos custam, em média, R$ 34. Mais informações, no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório de design de interiores, em homenagem ao arquiteto Carlos Rodolfo Sandrini, é assinado pela arquiteta e designer Katalin Stammer. A mostra Morar Mais Por Menos fica em cartaz de 06 de outubro à 15 de novembro de 2011, na Rua Kellers, 520, em Curitiba, Paraná. A exposição de arquitetura, decoração, design de interiores e paisagismo tem como tema o consumo consciente e a sustentabilidade. Nessa linha, o evento incentiva o uso da bicicleta como forma de diminuir o impacto ambiental causado pela utilização de carros, bem como propõe o emprego de materiais "reutilizados" em móveis e objetos. São 58 ambientes "que cabem no bolso", projetados por mais de 90 profissionais. Os ingressos custam R$ 24, em média. Mais informações no site da Morar Mais DivulgaçãoMais
Escritório em casa criado pelos arquitetos Gustavo Pinto e Margareth Menezes. A mostra Morar Mais Por Menos fica em cartaz de 06 de outubro à 15 de novembro de 2011, na Rua Kellers, 520, em Curitiba, Paraná. A exposição de arquitetura, decoração, design de interiores e paisagismo tem como tema o consumo consciente e a sustentabilidade. Nessa linha, o evento incentiva o uso da bicicleta como forma de diminuir o impacto ambiental causado pela utilização de carros, bem como propõe o emprego de materiais "reutilizados" em móveis e objetos. São 58 ambientes "que cabem no bolso", projetados por mais de 90 profissionais. Os ingressos custam R$ 24, em média. Mais informações no site da Morar Mais DivulgaçãoMais
Escritório "Morar Mais" criado pelos arquitetos Denise Prado e Leandro Rosa. A mostra Morar Mais Por Menos fica em cartaz de 06 de outubro à 15 de novembro de 2011, na Rua Kellers, 520, em Curitiba, Paraná. A exposição de arquitetura, decoração, design de interiores e paisagismo tem como tema o consumo consciente e a sustentabilidade. Nessa linha, o evento incentiva o uso da bicicleta como forma de diminuir o impacto ambiental causado pela utilização de carros, bem como propõe o emprego de materiais "reutilizados" em móveis e objetos. São 58 ambientes "que cabem no bolso", projetados por mais de 90 profissionais. Os ingressos custam R$ 24, em média. Mais informações no site da Morar Mais DivulgaçãoMais
Armários e bancadas do escritório foram projetados por Márcio Bariani e Alessandro Muzi. O pendente com cúpula de alumínio (Reka) proporciona luz direta difusa para leitura e trabalho Fran Parente / UOLMais
Office em homenagem à 1ª dama do estado Nejmi Aziz, projetado pela arquiteta Sammya Cury e pela arquiteta e urbanista Anete Lorene Perrone. A 2ª Casa Cor Amazonas fica em cartaz de 29 de setembro a 09 de novembro de 2011 no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, em Manaus. Com 73 ambientes, a mostra homenageia o Dr. Rey, o Dr. Hollywood. Os ingressos custam, em média, R$ 20. Mais informações no site do evento Clovis Miranda/ DivulgaçãoMais
Office em homenagem à 1ª dama do estado Nejmi Aziz, projetado pela arquiteta Sammya Cury e pela arquiteta e urbanista Anete Lorene Perrone. A 2ª Casa Cor Amazonas fica em cartaz de 29 de setembro a 09 de novembro de 2011 no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, em Manaus. Com 73 ambientes, a mostra homenageia o Dr. Rey, o Dr. Hollywood. Os ingressos custam, em média, R$ 20. Mais informações no site do evento Clovis Miranda/ DivulgaçãoMais
Home office, em homenagem à senadora Eunice Michiles, criado por Darcleine Costa Manarte e Patrícia Cristiane Barbosa Soares. A 2ª Casa Cor Amazonas fica em cartaz de 29 de setembro a 09 de novembro de 2011 no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, em Manaus. Com 73 ambientes, a mostra homenageia o Dr. Rey, o Dr. Hollywood. Os ingressos custam, em média, R$ 20. Mais informações no site do evento Clovis Miranda/ DivulgaçãoMais
Home office, em homenagem à senadora Eunice Michiles, criado por Darcleine Costa Manarte e Patrícia Cristiane Barbosa Soares. A 2ª Casa Cor Amazonas fica em cartaz de 29 de setembro a 09 de novembro de 2011 no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, em Manaus. Com 73 ambientes, a mostra homenageia o Dr. Rey, o Dr. Hollywood. Os ingressos custam, em média, R$ 20. Mais informações no site do evento Clovis Miranda/ DivulgaçãoMais
Home office, em homenagem à senadora Eunice Michiles, criado por Darcleine Costa Manarte e Patrícia Cristiane Barbosa Soares. A 2ª Casa Cor Amazonas fica em cartaz de 29 de setembro a 09 de novembro de 2011 no Centro Cultural dos Povos da Amazônia, em Manaus. Com 73 ambientes, a mostra homenageia o Dr. Rey, o Dr. Hollywood. Os ingressos custam, em média, R$ 20. Mais informações no site do evento Clovis Miranda/ DivulgaçãoMais
Escritório do chef criado pelos arquitetos Marcelo Jardim e Tiago Freire. A 21ª edição da Casa Cor Rio tem lugar no Palacete Linneo de Paula Machado, em Botafogo. O prédio do século 19, em estilo renascentista francês, foi tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac) e teve seu telhado em ardósia, vitrais, pisos em parquê, colunas e azulejos restaurados pela equipe da Casa Cor Rio. A mostra fica em cartaz de 04 de outubro à 16 de novembro de 2011 e reúne 86 profissionais e 54 ambientes. Os ingressos custam, em média, R$ 35. Mais informações no site do evento DivulgaçãoMais
Suíte da moça assinada pelas arquitetas Carmen Zaccaro e Marise Kessel. A 21ª edição da Casa Cor Rio tem lugar no Palacete Linneo de Paula Machado, em Botafogo. O prédio do século 19, em estilo renascentista francês, foi tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac) e teve seu telhado em ardósia, vitrais, pisos em parquê, colunas e azulejos restaurados pela equipe da Casa Cor Rio. A mostra fica em cartaz de 04 de outubro à 16 de novembro de 2011 e reúne 86 profissionais e 54 ambientes. Os ingressos custam, em média, R$ 35. Mais informações no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório criado por Mario Santos, Eliane Amarante e Denise Niemeyer. A 21ª edição da Casa Cor Rio tem lugar no Palacete Linneo de Paula Machado, em Botafogo. O prédio do século 19, em estilo renascentista francês, foi tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac) e teve seu telhado em ardósia, vitrais, pisos em parquê, colunas e azulejos restaurados pela equipe da Casa Cor Rio. A mostra fica em cartaz de 04 de outubro à 16 de novembro de 2011 e reúne 86 profissionais e 54 ambientes. Os ingressos custam, em média, R$ 35. Mais informações no site do evento DivulgaçãoMais
Escritório do Casal projetado por Ana Lucia Castro. A Casa Cor Campinas fica em cartaz de 22 de setembro a 30 de outubro de 2011. A edição deste ano tem lugar no prédio do antigo Hospital Santa Isabel, tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Campinas (Condepacc). São 45 ambientes distribuídos em cerca de 14 mil m². Os ingressos custam, em média, R$ 30. Mais informações no site da Casa Cor Campinas Tácito Carvalho e Silva/ DivulgaçãoMais
Escritório de uma Empresa assinado por Sergio Borges e Gerley Siqueira. A Casa Cor Brasília chega a sua 20ª edição. São 65 ambientes internos e externos projetados por 97 arquitetos, paisagistas, decoradores e designers de interiores. O evento fica em cartaz de 14 de setembro a 25 de outubro de 2011, no Espaço Eletronorte, na 904 Sul. Os ingressos custam, em média, R$ 40. Mais informações através do site da Casa Cor ou pelo telefone (61) 3248-6902 Clausem Bonifácio/ DivulgaçãoMais
Office Multimídia assinado por Barbara Paiva. A Casa Cor Brasília chega a sua 20ª edição. São 65 ambientes internos e externos projetados por 97 arquitetos, paisagistas, decoradores e designers de interiores. O evento fica em cartaz de 14 de setembro a 25 de outubro de 2011, no Espaço Eletronorte, na 904 Sul. Os ingressos custam, em média, R$ 40. Mais informações através do site da Casa Cor ou pelo telefone (61) 3248-6902 Clausem Bonifácio/ DivulgaçãoMais
Escritório de uma Empresa assinado por Sergio Borges e Gerley Siqueira. A Casa Cor Brasília chega a sua 20ª edição. São 65 ambientes internos e externos projetados por 97 arquitetos, paisagistas, decoradores e designers de interiores. O evento fica em cartaz de 14 de setembro a 25 de outubro de 2011, no Espaço Eletronorte, na 904 Sul. Os ingressos custam, em média, R$ 40. Mais informações através do site da Casa Cor ou pelo telefone (61) 3248-6902 Clausem Bonifácio/ DivulgaçãoMais
Escritório do Empreendedor Rural projetado por Isabella Lolli Ghetti, Sandra Lolli Ghetti, Deborah Nazareth e Jussara Nazareth. A Casa Cor MS 2011 é realizada na Rua Abdul Kadri, 104, na Chácara Cachoeira, em Campo Grande, com visitação aberta de terça à domingo das 16h às 22h. A mostra fica em cartaz de 2 de setembro a 19 de outubro de 2011. Os ingressos custam R$ 20. Mais informações no site da Casa Cor MS Levi Mendes Junior/DivulgaçãoMais
Espaço do Executivo projetado por Fabiana Carvalho para a exposição "Morar Mais por Menos". A 8ª edição carioca da mostra fica em cartaz de 31 de agosto à 09 de outubro de 2011, na sede da Pequena Cruzada, na Lagoa. São 75 ambientes distribuídos em 2.100m² de área construída e 1.800m² de área externa. Os ingressos custam em torno de R$ 25. Mais informações pelo site ou pelo telefone (21) 2512-2412 DivulgaçãoMais
Estar e Escritório assinado por Leila Fernandes e Ana Maria Côrtes para a exposição "Morar Mais por Menos". A 8ª edição carioca da mostra fica em cartaz de 31 de agosto à 09 de outubro de 2011, na sede da Pequena Cruzada, na Lagoa. São 75 ambientes distribuídos em 2.100m² de área construída e 1.800m² de área externa. Os ingressos custam em torno de R$ 25. Mais informações pelo site ou pelo telefone (21) 2512-2412 DivulgaçãoMais
Home Office criado por Sandra Diniz. A 17ª edição da Casa Cor MG reúne 56 ambientes, assinados por mais de 80 profissionais. O evento fica em cartaz de 20 de agosto a 04 de outubro de 2011 em Nova Lima, Região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais. Os ingressos custam, em média, R$ 40. Informações pelo site da mostra ou pelo telefone (31) 3245-1968 Daniel Mansur/DivulgaçãoMais
Home Office criado por Sandra Diniz. A 17ª edição da Casa Cor MG reúne 56 ambientes, assinados por mais de 80 profissionais. O evento fica em cartaz de 20 de agosto a 04 de outubro de 2011 em Nova Lima, Região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais. Os ingressos custam, em média, R$ 40. Informações pelo site da mostra ou pelo telefone (31) 3245-1968 Daniel Mansur/DivulgaçãoMais
My Home Office projetado por Beatriz Siqueira. A 17ª edição da Casa Cor MG reúne 56 ambientes, assinados por mais de 80 profissionais. O evento fica em cartaz de 20 de agosto a 04 de outubro de 2011 em Nova Lima, Região Metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais. Os ingressos custam, em média, R$ 40. Informações pelo site da mostra ou pelo telefone (31) 3245-1968 Jomar Bragança/DivulgaçãoMais
O escritório vira quarto de hóspedes quando o painel é fechado, desintegrando a suíte principal. Neste caso, a varanda e o banheiro auxiliar passam a fazer parte do quarto de hóspedes. A marcenaria da cama e da escrivaninha, feitas de imbuia (e painel de couro), foi desenhada pelos arquitetos e executado pela Grifel Marcenaria. No piso, tacão de cumarú Kátia Kuwabara / UOLMais
Embutido em um nicho de 90 cm de profundidade, o escritório pode ficar oculto por trás de portas do tipo camarão. Sobre rodízios de aço, a bancada de trabalho é uma das peças que compõe a mesa Joly, que também pode assumir a função de mesa de jantar. O móvel tem design de Guto Requena (responsável pelo projeto de reforma do apartamento) e foi fabricado com chapa de MDF coberta por lâminas de madeira pré-compostas num processo artesanal similar a marchetaria. Cadeiras Kartell Marcelo Magnani / DivulgaçãoMais
O escritório criado por Márcia Starling, Carol Matos e Dani Moraes tem inspiração no trabalho de um jovem administrador. Destacam-se na ambientação a luminária pendente feita com latas de spray e a agenda (na parede à esquerda) feita com recortes de porcelanato. A mostra Morar Mais por Menos Belo Horizonte está aberta de 17/08 a 2/10/2011 na Antiga Maternidade Hilda Brandão Gustavo Xavier / DivulgaçãoMais
O escritório ambientado com base no trabalho de um jornalista leva assinatura de Anna Helena Masseo Luciana Abreu. A mostra Morar Mais por Menos Belo Horizonte está aberta de 17/08 a 2/10/2011 na Antiga Maternidade Hilda Brandão Gustavo Xavier / DivulgaçãoMais
No escritório criado por Natália Botelho e Paola Corteletti destacam-se a luminária pendente desenhada pelas arquitetas e o painel feito com rolos de papel higiênico. A mostra Morar Mais por Menos Belo Horizonte está aberta de 17/08 a 2/10/2011 na Antiga Maternidade Hilda Brandão Gustavo Xavier / DivulgaçãoMais
O atelier é o espaço criado por Dulciele Sales e foi feito para uma designer de joias. O ambiente tem marcenaria planejada, parede revestida de renda, puff artesanal feito com flores de feltro, e mesa de MDF pintado. A mostra Morar Mais por Menos Belo Horizonte está aberta de 17/08 a 2/10/2011 na Antiga Maternidade Hilda Brandão Gustavo Xavier / DivulgaçãoMais
O escritório decorado por Letícia da Matta e Beatriz Cançado foi imaginado para uma jovem designer. A mostra Morar Mais por Menos Belo Horizonte está aberta de 17/08 a 2/10/2011 na Antiga Maternidade Hilda Brandão Gustavo Xavier / DivulgaçãoMais
Escritório da Designer, assinado por Kelly Rangel e Karina Gobbi. A Casa Cor Espírito Santo fica em cartaz de 16 de agosto a 27 de setembro de 2011. A exposição que reúne 51 profissionais e 36 ambientes tem lugar na rua Constante Sodré, nº 1313, Praia do Canto, Vitória. Os ingressos custam, em média, R$ 30 Rocio Fotografia/DivulgaçãoMais
Escritório da Designer, assinado por Kelly Rangel e Karina Gobbi. A Casa Cor Espírito Santo fica em cartaz de 16 de agosto a 27 de setembro de 2011. A exposição que reúne 51 profissionais e 36 ambientes tem lugar na rua Constante Sodré, nº 1313, Praia do Canto, Vitória. Os ingressos custam, em média, R$ 30 Rocio Fotografia/DivulgaçãoMais
Office Room do Jornalista criado porJeslayne Valente para a 18ª edição da Casa Cor Paraná, aberta ao público de 10 de junho a 19 de julho de 2011, em Curitiba Divulgação/Casa Cor ParanáMais
Em um espaço de 15,8 m², a arquiteta Mirella Andreoni criou o Home Office para a mostra Decora Etna. Com quatro lofts e 22 ambientes decorados, a mostra fica em cartaz de 1º de junho a 1º de setembro, em São Paulo Kátia Kuwabara / UOLMais
Em um espaço de 15,8 m², a arquiteta Mirella Andreoni criou o Home Office para a mostra Decora Etna. Com quatro lofts e 22 ambientes decorados, a mostra fica em cartaz de 1º de junho a 1º de setembro, em São Paulo Kátia Kuwabara / UOLMais
Com 74 m², o Loft Urbano do arquiteto Fabio Morozini um dos quatro lofts da mostra Decora Etna. A exposição conta ainda com 22 ambientes decorados e fica em cartaz de 1º de junho a 1º de setembro, em São Paulo Kátia Kuwabara / UOLMais
Com 74 m², o Loft Urbano do arquiteto Fabio Morozini um dos quatro lofts da mostra Decora Etna. A exposição conta ainda com 22 ambientes decorados e fica em cartaz de 1º de junho a 1º de setembro, em São Paulo Kátia Kuwabara / UOLMais
As arquitetas Yolanda e Cristina Franco criaram para a mostra Decora Etna a Biblioteca da Família, ambiente de 33 m² que integra biblioteca, escritório e sala de TV. Com quatro lofts e 22 ambientes decorados, a mostra fica em cartaz de 1º de junho a 1º de setembro, em São Paulo Kátia Kuwabara / UOLMais
O home office de cerca de 20 m² e foi pensado pela arquiteta Monica Drucker para ser uso eventual, daí a presença de itens de conforto, como o sofá Brentwood. A descontração também está presente nas poltronas Firma Casa e mesa Segatto. O piso de mármore travertino levigado, janelas e brises de alumínio com pintura especial na cor aço inox. Lâmpadas halógenas e PLs amareladas foram embutidas no forro João Ribeiro / DivulgaçãoMais
As poltronas do modelo Egg -clássico do design criado pelo arquiteto dinamarquês Arne Jacobsen (1902-1972)- forradas em tons pastel, levam humor e bom design à recepção. Repare no aparador laqueado, onde se apoiam os vasos coloridos. A abertura da porta se dá por biometria, sistema instalado pela empresa de automação Cynthron e que agiliza e dá segurança à circulação. O painel espelhado reveste a caixa da escada e serve de suporte para o logo da empresa, no caso, a assinatura da arquiteta Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
Brunete Fraccaroli assina literalmente embaixo do hall de entrada, que lembra um grande cartão de visitas a receber os convidados. Espelhos coloridos revestem as paredes, refletindo os visitantes que são conduzidos para dentro pelo porcelanato quer cobre o piso Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
A sala de reuniões e o hall de entrada têm em comum os mesmos tons alegres que marcam a identidade do escritório Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
O escritório de Brunete Fraccaroli integra-se à sala de reunião através das portas de correr. O ambiente também tem acesso à área administrativa e à copa. A luminária da La Lampe propicia luz focada nas duas pontas da mesa de contorno orgânico. Neste ambiente, o projeto também aproveitou ao máximo os espaços, instalando armários nos nichos ao lado da janela Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
Detalhe da sala de reunião, cuja mesa tem tampo de vidro colorido. A sala é apoiada pela mapoteca e pelos armários encaixados com perfeição nos vãos Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
Planta: o escritório ocupa o pavimento inteiro de um edifício.Junto ao acesso, foi situada a recepção; em frente ao núcleo das escadas e elevadores foram dispostas as salas dos arquitetos, apoiadas por pequenas áreas de reuniões, e o setor administrativo, conectado a uma área reservada para reuniões menores ou internas. A sala da arquiteta foi estrategicamente colocada entre o setor burocrático e a sala de reuniões para visitantes Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
Verde e rosa determinam a área criativa, que acompanha o desenho da fachada. No piso, os círculos marcam a circulação e, os filetes, o setor de trabalho. Nos setores, o projeto de luminotécnica da DL Iluminação com lumárias da La Lampe também enfatiza essas duas áreas, valorizando ainda as cores do ambiente Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
A generosa mesa de reuniões tem tampo de vidro colorido e acomoda confortavelmente os clientes. A sala é apoiada pela mapoteca e os armários são encaixados com perfeição nos vãos. A persiana de tecido translúcido filtra a iluminação natural Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
A estrutura do armário de madeira laqueada na cor prata acompanha o caixilho da porta. Do teto, quando necessário, desce o telão para apresentações detalhadas. As instalações de áudio e vídeo foram realizadas por Josias Studio Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
O desenho da recepção brinca com cores, retas e curvas. Panos de vidro (da Santa Marina/ Penha Vidros) revestidos de película colorida de PVC da Solutia, estabelecem sutilmente os limites entre o público e o privado. No piso, formas geométricas estampadas no porcelanato da Gyotoku sinalizam a circulação de pessoas e o fluxo que as informações devem percorrer. Note como a iluminação da La Lampe demarca as áreas: difusa e pontual para o estar e focada nos postos de trabalho Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
A área administrativa foi demarcada pelo mobiliário na cor azul e o piso em padronagem filetada, que também estabelece a circulação e a área de trabalho. Os armários suspensos sobre a janela, protegida pela persiana romana, racionalizaram o espaço. Sobre o tampo de vidro da bancada, os módulos de madeira laqueada na cor prata, executados pela Madeira Viva Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
Aberta a porta de correr, escritório e sala de reuniões transformam-se em um espaço único Tuca Reinés/DivulgaçãoMais
O Home Office da Casa Cor, de Gustavo Jansen, utilizou garrafas PET para a composição do forro e ladrilhos hidráulicos no piso. A exposição de arquitetura e design de interiores fica em cartaz no Jockey Club de São Paulo de 24 de maio a 12 de julho de 2011 (24/05/2011) Marco Pinto/UOLMais
O Home Office da Casa Cor 2011 foi criado pelo designer de interiores Gustavo Jansen. No espaço, o rosa dramático das paredes ganhou a companhia de objetos de decoração de inspiração sessentista. A mostra de arquitetura e design de interiores fica em cartaz no Jockey Club de São Paulo de 24 de maio a 12 de julho de 2011 (24/05/2011) Marco Pinto/UOLMais
O escritório da Casa Cor Goiás é assinado pelos arquitetos Adriana Mundim e Fernando Rocha Galvão, pela nona vez na mostra goiana. A 15ª edição da mostra fica em cartaz de 13 de maio a 21 de junho na Avenida T-2, nº 299, no Setor Bueno da capital do estado Ricardo Lima/ DivulgaçãoMais
No ateliê, um painel de pastilhas de vidro e a parede colorida enfatizam o tom lúdico do espaço DivulgaçãoMais
Detalhe do ateliê, com vista para o jardim DivulgaçãoMais
No ateliê, um painel de pastilhas de vidro e a parede colorida enfatizam o tom lúdico do espaço DivulgaçãoMais
Um pequeno escritório dentro da suíte principal foi um dos pedidos do cliente. Para manter a unidade, o ambiente recebe o mesmo revestimento da cabeceira da cama, feito de ardósia Fernando Palacios / UOLMais
Detalhe da escrivaninha do dormitório cria do por Patricia Penna DivulgaçãoMais
Detalhe da escrivaninha do ambiente decorado por Clélia Regina Santos DivulgaçãoMais
Ao ser recolhida, a cortina permite a integração do home-office ao estar e compõe elegante efeito junto ao sofá. Mesa de trabalho da Tok&Stok Fernanda Petelinkar / DivulgaçãoMais
O escritório foi acomodado em uma área de passagem e tem uma bancada voltada ao pátio interno da casa. A luz entra pela parede de cobogós, escolhidos como alternativa ao painel de vidro e que oferece luz "filtrada" ao ambiente Bebete Viégas/DivulgaçãoMais
O espaço de escritório e sala de estudos está integrado à sala de TV, e é ladeado por dormitórios Leonardo Finotti / UOLMais
A planta do quarto do casal forma um L, cujo trecho mais estreito foi transformado em escritório, com prateleiras e escrivaninha executadas em MDF com acabamento de laca branca DivulgaçãoMais
Escritório do Google, na Califórnia Infotainment IndiaMais
O canto de trabalho da dona da casa é composto pela mesa com a base de uma antiga máquina de costura Singer e tampo de vidro, e a cadeira de madeira Foto: Demian Golovaty/DivulgaçãoMais
No escritório foi instalada uma estante embutida de imbuia com alguns nichos com acabamento de laca branca. Trabalho da marcenaria Detalhe e Entalhe. Do lado do móvel aparecem os quadros gerais de luz do apartamento Gui Morelli / DivulgaçãoMais
Suspensa, a mesa do computador tem acabamento de laca branca, assim como as prateleiras, que foram instaladas em um painel de imbuia. Trabalho de marcenaria da Detalhe e Entalhe Gui Morelli / DivulgaçãoMais
Um rasgo superior em cada estante permite passagem de luz, ar e até uma certa visibilidade entre os dois ambientes. No fundo do escritório, a parede expõe coleção de gravuras de Flavio de Carvalho, Di Cavalcanti, Tarsila, Grassmann e Amilcar de Castro, entre outros Fran Parente / UOLMais
Vista do escritório por entre as estantes pivotantes. O colorido vem dos elementos de decoração, como o tapete e dos livros. A luminária pendente sobre a mesa de trabalho é da Reka Fran Parente / UOLMais
As estantes pivotantes têm estrutura de aço corten e são revestidas de freijó; elas separam o estar do escritório, garantindo mais privacidade ao ambiente Fran Parente / UOLMais
Estar e escritórios separados por estantes pivotantes em apartamento reformado pelo escritório FGMF Fran Parente / UOLMais
Quando abertas, as portas de correr do escritório ampliam os espaços de convivência. As portas de vidro do escritório, do closet e da lavanderia foram fornecidas por Grando & Oliveira Eduardo Aigner / DivulgaçãoMais
O escritório pode servir de quarto de hóspedes e, com mudanças mínimas, poderá ser transformado em quarto do bebê. As várias coleções dos proprietários, de revistas, brinquedos antigos, bolsas e bijuterias foram usadas como decoração pelas arquitetas Eduardo Aigner / DivulgaçãoMais
Vista da fachada posterior, atrás da qual se concentram os ambientes de uso residencial. No pavimento superior a sacada da suíte (com painéis envidraçados para fechamento) e, no térreo, aberta para os jardins do fundo do lote, a área de estar com cadeiras de Lina Bo Bardi. O piso de madeira no estar e de basalto cinza serrado na área externa reforça a separação dos ambientes Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
Na lateral, o hall de entrada de pé-direito duplo articula os ambientes de trabalho e moradia. A larga porta serve para passagem das obras de grandes dimensões produzidas pelo proprietário, e tem caixilhos de alumínio com pintura branca. No piso, placas de basalto cinza serrado Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
A partir do estúdio, vista da sala íntima com biblioteca no primeiro pavimento e, no térreo, o estar, com cadeira desenhada por Lina Bo Bardi Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
O recorte abre a fachada em toda a sua altura e permite ver o estúdio, no pavimento superior, e, no térreo, a oficina. Os caixilhos são fechados com vidros transparentes e leitosos Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
Na fachada principal destacam-se a volumetria de poucos elementos e as grandes aberturas, com um padrão único de caixilhos Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
Vista da varanda da sala coberta pelo volume do pavimento superior, sustentado pelo pilar de concreto aparente Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
A sala de estar tem mesa de centro com tampo de alabastro, mesinha lateral Saarinen preta e poltrona da década de 1950 Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
Vista da biblioteca e estúdio. Mesa de Richard Schultz (comprada na Forma) e cadeiras de jacarandá. Ao fundo, fotografias de Olafur Eliasson Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
Estar íntimo e biblioteca, com piso de tacos de madeira cumaru e basalto polido no corredor de passagem. Cadeiras de jacarandá da década de 1950, mesa desenhada por Richard Schultz nos anos de 1970 (Forma) e cômoda de Sérgio Rodrigues Patrícia Cardoso / DivulgaçãoMais
Recepção de escritório Getty ImagesMais
Home office em apartamento em São Paulo, com reforma e interiores elaborados por FGMF Arquitetos Fran Parente / UOLMais
Vista do estar do apartamento East Village, em Nova York, do escritório norte-americano JPDA Frank Oudeman e Sean Karns / DivulgaçãoMais
Mesa dobrável para escritório Reprodução/Hype DesireMais
No home office, cadeira e luminária bola de Fernando Nakazaka e tela de Genoveva Fernandez Fran ParenteMais
"Reflexos 360º" é o nome deste escritório com jardim integrado à residência. Projeto de Sofía Calleja, Jorge Rodríguez y Carlos Pulido DivulgaçãoMais
"Reflexos 360º" é o nome deste escritório com jardim integrado à residência. Projeto de Sofía Calleja, Jorge Rodríguez y Carlos Pulido DivulgaçãoMais
De Alicia Mesa, o "Estúdio jovem" apresenta materiais como concreto aparente, tinta de lousa em uma das paredes, papel na outra e acabamento imitando aço corten na estante. O tapete dá um toque lúdico e organiza a circulação. As mesas foram desenhas pela designer DivulgaçãoMais
De Alicia Mesa, o "Estúdio jovem" apresenta materiais como concreto aparente, tinta de lousa em uma das paredes, papel na outra e acabamento imitando aço corten na estante. O tapete dá um toque lúdico e organiza a circulação. As mesas foram desenhas pela designer DivulgaçãoMais
O espaço antes ocupado pela sala da lareira abriga hoje o home-office, que acabou se transformando em um ótimo espaço de trabalho e leitura. Móveis (mesa, estante e móvel de apoio com rodízios) em MDF com laca fosca executados pela Marcenaria Pimentel Fran Parente / UOLMais
No escritório, a estante sob medida permitiu alocar livros, equipamentos eletrônicos e objetos de decoração sem comprometer a leveza visual. Peça confeccionada a partir de projeto do escritório FGMF Fran Parente/UOLMais
Ambiente do apartamento do arquiteto David Bastos, em São Paulo Tuca Reinés / DivulgaçãoMais
No projeto de David Bastos, a área de trabalho é contornada por uma biblioteca. A iluminação e as cores tornam o ambiente acolhedor e tranquilo, próprio para o trabalho criativo Tuca Reinés / DivulgaçãoMais
Na foto, detalhe da estante do escritório. O móvel ocupa toda a superfície da parede, do piso ao teto, e é formada por nichos retangulares que organizam a disposição informal de livros e objetos Tuca Reinés / DivulgaçãoMais
Na extremidade da mesa de trabalho do home office e sala de TV do apartamento do arquiteto David Bastos há cabeças de Cristo do século 18, e de São João Batista (século 17), ambas da Caloula Filho Antiguidades Tuca Reinés / DivulgaçãoMais
As prateleiras de madeira ocultam as vigas que a reforma revelou e abrigam quadros e esculturas. As janelas receberam persianas Luxaflex, da Arthur Decor, para graduar a luz do dia, e cortinas de veludo molhado da Donatelli, que escurecem o ambiente para as projeções do home theatre. Projeto de David Bastos Tuca Reinés / DivulgaçãoMais

Escritórios

ÚLTIMOS ÁLBUNS DE CASA E DECORAÇÃO



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos