Japoneses criam sutiã que se abre sozinho em caso de desejo sexual

De Tóquio

  • Reprodução

    O sutiã tecnológico desenvolvido pela Ravijour pisca quando a excitação é identificada e, na sequência, a peça se abre sozinha

    O sutiã tecnológico desenvolvido pela Ravijour pisca quando a excitação é identificada e, na sequência, a peça se abre sozinha

O sutiã inventado pela empresa japonesa Ravijour pisca e se abre sozinho em caso de verdadeiro amor ou desejo sexual.

Este sutiã inteligente tem sensores para analisar o ritmo cardíaco da mulher, que o leva a deduzir seu estado de excitação e a abrir o fecho que se encontra entre seus seios.

Aparentemente trata-se de um objeto muito romântico, mas, na realidade, é um objeto principalmente tecnológico. O sinal recebido pelos sensores é enviado a um telefone celular mediante a tecnologia de transmissão Bluetooth, para uma análise comparativa das batidas de seu coração e uma dedução por meio de um aplicativo especial. Se for registrada uma curva correspondente ao desejo sexual, o fecho pisca e se abre.

A marca de lingerie imaginou este sutiã para celebrar seu décimo aniversário. Trata-se de uma operação de comunicação, e a peça não será vendida.

"Queríamos realizar uma campanha que não apenas incite as pessoas que usam nossos produtos, mas que também contribua para aquecer a atmosfera romântica entre os homens e as mulheres", disse Yuka Tamura, uma porta-voz desta empresa.

Últimas de Mulher

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos