Museu em NY mostra relação entre os trabalhos das estilistas Schiaparelli e Prada

Do UOL, em São Paulo

Na próxima quinta-feira, dia 10 de maio, estreia a mostra "Schiaparelli and Prada: impossible conversations" (em português, "Schiaparelli e Prada: conversas impossíveis"), no Metropolitan Museum of Art, em Nova York, nos Estados Unidos.

A exposição mostrará diferenças e afinidades dos trabalhos das estilistas italianas Elsa Schiaparelli e Miuccia Prada. Inspirada pela seção "Entrevistas impossíveis", da revista norte-americana "Vanity Fair", nos anos 1930, os curadores Harold Koda e Andrew Bolton simularão conversas em vídeo entre as estilistas das duas eras.

Veja imagens da exposição "Schiaparelli e Prada: conversas impossíveis"
Veja Álbum de fotos

As semelhanças entre os trabalhos das estilistas serão expostos através de sete seções: 

1. "Da cintura pra cima/ da cintura pra baixo": nos anos 1930, as pessoas costumavam socializar em cafés e restaurantes, logo, Schiaparelli investia nos detalhes da parte superior de suas criações. Já, Miuccia Prada chamava a atenção para a parte de baixo, representando modernidade. "Do pescoço pra cima/ dos joelhos para baixo" é uma subseção dedicada aos acessórios, esta seção mostrará os chapéus de Schiaparelli e os sapatos da Prada;

2. "Chique feio": como as duas estilistas subvertiam a beleza e o glamour, brincando com o bom e o mau gosto em cores, estampas e tecidos;

3. "Chique pesado": explorará a influência das roupas masculinas e dos uniformes nas criações das estilistas;

4. "Chique inocente": focará na sensibilidade da mulher adotada pelas estilistas para subverter as expectativas de como as pessoas deveriam se vestir em cada idade;

5. "O corpo clássico": explorará o envolvimento de Schiaparelli e Prada com a antiguidade através de olhares para o final do século 18 e começo do 19;

6. "O corpo exótico": a influência da cultura oriental através de tecidos como lamê e silhuetas inspiradas nos saris e sarongues;

7. "O corpo surreal": a última galeria ilustrará como as duas mulheres influenciaram imagens contemporâneas do corpo feminino através do surrealismo.

A exposição ficará aberta ao público até o dia 19 de agosto deste ano e conta, nesta segunda-feira (7), com um baile de gala, onde possui tapete vermelho mais importante do mundo da moda. Anualmente, editoras, modelos, estilistas e celebridades mostram seus melhores looks na abertura da exposição do MET.

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos