Condomínio: atraso apresentou alta em julho, aponta Aabic

SÃO PAULO - A taxa de não-pagamento entre os condôminos de São Paulo registrou elevação no sétimo mês do ano. Em julho, o índice de mora (valores emitidos com vencimento no mês e não pagos no próprio mês) atingiu 7,12%, maior que os 6,87% registrados no mês anterior.

De acordo com o Ipemic (Índice Periódico de Mora e Inadimplência Condominial), divulgado na quarta-feira (15) pela Aabic (Associação das Administradoras de Bens Móveis e Condomínios), na comparação com o mesmo mês de 2009, houve aumento de 4,55%.

Inadimplência

O índice de inadimplência (valores emitidos com vencimento no mês e não pagos até 90 dias após o vencimento) ficou em 3,76% na última medição, uma alta de 7,12% em relação ao ano passado. Os dados tiveram como base o mês de abril de 2010.

Inadimplência e Mora nos condomínios
Mora Inadimplência
Maio/10 7,75% Março/10 3,10%
Junho/10 6,87% Abril/10 3,28%
Julho/10 7,12% Maio/10 3,76%

Fonte: Aabic

Sobre a pesquisa

O levantamento foi realizado com base em informações de 2.285 condomínios administrados por 15 empresas associadas à Aabic.

UOL Cursos Online

Todos os cursos