Residências de até 130 metros em SP foram as mais vendidas em setembro

SÃO PAULO – As unidades residenciais de até 130 m² na cidade de São Paulo atingiram 78,1% das vendas imobiliárias em setembro, de acordo com com levantamento feito pelo Secovi-SP (Sindicato da Habitação).

Os imóveis que se destacaram nas comercializações daquele mês foram os com área útil entre 46 m² e 65 m², com participação de 36,9% nos negócios efetuados na cidade. Com relação as vendas, 1.027 unidades foram adquiridas no nono mês do ano, além de registrarem 34,6% de VSO (Venda sobre oferta).

Na seguência estão os imóveis entre 66 m² e 85 m², cuja representação nas comercializações atingiu 19,9%. Ao todo, 555 unidades foram negociadas em setembro e o VSO foi de 21,8%.

Imóveis entre 86 m² e 130 m² (17%) e com área inferior a 45 m²(4,3%) registraram as menores representatividades no grupo. No primeiro caso, 474 unidades foram comercializadas, enquanto no segundo apenas 120.

Acima de 130 m²

As unidades acima de 130 m² na cidade de São Paulo somaram 21,9% das vendas imobiliárias em setembro. Segundo dados do Secovi-SP, imóveis entre 131 m² e 180 m² apresentaram o maior nível de participação nas negociações deste grupo, com 17,6%.

No geral, esse segmento vendeu 489 unidades e registrou VSO de 29,7%.

Por fim, imóveis superiores a 180 m² obtiveram participação de 4,3% nas vendas, com somente 120 unidades residenciais vendidas. O VSO deste segmento foi de 13,9%.

Resultados

Em setembro, as comercializações de imóveis novos na cidade de São Paulo se recuperaram frente a agosto, quando registraram forte queda, e apresentaram alta de 70%.

Ao todo, foram vendidas 2.785 unidades de imóveis novos residenciais contra as 1.638 unidades comercializadas em agosto.

UOL Cursos Online

Todos os cursos