Casa: 6 milhões de famílias que querem comprar imóvel têm algum tipo de medo

SÃO PAULO – Embora a intenção de comprar um imóvel no próximo ano atinja 9 milhões de famílias, a maior parte delas tem algum tipo de receio para realizar a compra, mostra estudo realizado pelo instituto de pesquisa Data Popular. E quanto menor a renda, maiores são os receios.

De acordo com a pesquisa, 6 milhões de famílias que desejam comprar um imóvel declararam ter algum medo em relação à compra. Dentre as classes sociais, o maior percentual de receio foi registrado entre as classes D e E: 84% tem algum tipo de medo de comprar a casa própria.

Já entre os consumidores da classe C, 73% declararam ter algum tipo de receio e mesmo entre os segmentos mais abastados (classes A e B), 52% disseram o mesmo.

Para a pesquisa foram ouvidos 3.005 brasileiros de 35 cidades do País. E a análise foi feita de acordo com os dados da Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios), do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Os dois extremos

Embora o percentual das famílias que se sentem inseguras em comprar um imóvel seja significativo em todos os segmentos sociais, os tipos de receios são bem diferentes nos dois extremos da pirâmide.

Enquanto os brasileiros das classes C, D e E têm medo de não conseguir pagar o imóvel, o principal receio dos consumidores das classes A e B é o de não receber a casa – motivo que ficou na quarta colocação entre aqueles que percentem às classes de renda mais baixa. Já o receio de não conseguir pagar o imóvel ficou na quarta posição da lista dos receios das classes A e B.

Na lista, o medo de não conseguir obter o financiamento para a compra da casa própria ficou em segundo lugar entre os consumidores das classes C, D e E, ao passo que esse motivo ficou em terceiro lugar da lista dos consumidores mais abastados.

Atrasar o pagamento das parcelas também está na lista dos brasileiros: em terceiro lugar entre os das classes mais baixas e em segundo na lista dos mais abastados.

Na última colocação do ranking dos receios dos brasileiros de todos os segmentos de renda ficou o medo de não conseguir pagar o aluguel e a prestação do financiamento ao mesmo tempo.

Intenção

A pesquisa mostra que o número de brasileiros de baixa renda que pretende comprar um imóvel quase triplicou em dois anos. No último trimestre de 2008, 2,6 milhões de consumidores que pertenciam às classes C, D e E tinham a intenção de adquirir a casa própria nos próximos 12 meses. Em 2010, 7,5 milhões tinham essa intenção – um aumento de 188%.

De acordo com a pesquisa, ao todo, 9,1 milhões de pessoas pretendem realizar a compra ao longo deste ano, ao passo que no último trimestre de 2008, eram 4,2 milhões.

UOL Cursos Online

Todos os cursos