Bom inquilino tem vantagens na hora de renegociar o valor do aluguel

SÃO PAULO – Na hora de reajustar o valor do aluguel, o bom inquilino pode ter vantagens na renegociação.

Segundo o diretor da administradora e imobiliária ORG, João Carlos Jimenez Horta, nestes casos, o diálogo e a análise do perfil do inquilino devem prevalecer sobre a aplicação do índice de reajuste de aluguel, podendo até a renovação do contrato ser feita com o mesmo valor que o inquilino estava pagando.

“A negociação vai depender também da valorização do imóvel e da zona onde está localizado. Mas, se o inquilino é um bom pagador, mantem o imóvel em boas condições, talvez consiga algumas vantagens na hora da renovação do contrato”, diz Horta.

Reajuste
No geral, nos contratos de locação há previsto um índice que será utilizado anualmente para o reajuste do valor do aluguel. Esse índice, dizem os especialistas, devem ser oficiais e vinculados à seara locatícia.

O IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado), medido pela FGV (Fundação Getulio Vargas), é o mais utilizado e já registra alta de 15,14% no acumulado dos últimos 12 meses.

Cerca de 15, 14 meses atrás, relata o diretor da ORG, o IGP-M registrou deflação, o que gerou motivo de alegria para os locatários e descontentamento por parte dos locadores que iriam renovar o contrato de aluguel naquela ocasião.

“Isto foi um bom sinalizador para os inquilinos. O aluguel pode reduzir com a deflação do IGP-M, mas, hoje, a situação é justamente o contrário”, diz.

UOL Cursos Online

Todos os cursos