Valor médio do aluguel sobe menos de 1% em SP no mês de março

SÃO PAULO – O valor médio dos aluguéis de imóveis na cidade de São Paulo aumentou 0,63% em março, na comparação com o mês anterior, de acordo com pesquisa do Creci-SP (Conselho Regional dos Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo) divulgada nesta quarta-feira (18).

Segundo o levantamento, dos 33 tipos de casas e apartamentos apurados pela pesquisa, 20 registraram preços maiores do que os de fevereiro, enquanto 13 tipos mostraram redução dos valores.

A maior alta aconteceu nos imóveis de 3 dormitórios nos bairros da zona D (Água Rasa, Imirim e Sacomã), onde o preço do aluguel subiu 89,17%. Já a maior queda, de 56,63%, foi verificada nas casas de 1 dormitório em bairros da zona A (Moema, Perdizes e Campo Belo).

Imóveis preferidos
De acordo com a pesquisa, o número de imóveis alugados na capital paulista no terceiro mês do ano foi 6,26% menor do que o registrado no mês anterior e os imóveis com aluguel de até R$ 1 mil tiveram a preferência, com 55,4% dos contratos.

Dentro desta faixa de valor, destacam-se as unidades com aluguel de R$ 401 a R$ 600, que registraram participação de 17,65% no total de locações. Em seguida, aparecem imóveis de R$ 201 a R$ 400, que representaram 14,12% do total de locações.

Ainda segundo o levantamento, realizado com 486 imobiliárias, foram alugados mais apartamentos (53,69%) do que casas (46,31%).

Valores
Os imóveis com aluguel de até R$ 200 não tiveram representatividade no período, enquanto os acima de R$ 2 mil registraram 17,86% de representatividade, conforme a tabela abaixo:
 

Valor do aluguel Percentual de contratos
até R$ 200 nulo
de R$ 201 a R$ 400 14,12%
de R$ 401 a R$ 600 17,65%
de R$ 601 a R$ 800 11,98%
de R$ 801 a R$ 1.000 11,66%
de R$ 1.001 a R$ 1.200 10,7%
de R$ 1.201 a R$ 1.400 5,35%
de R$ 1.401 a R$ 1.600 3,53%
de R$ 1.601 a R$ 1.800 4,28%
de R$ 1.801 a R$ 2.000 2,89%
acima de R$ 2.000 17,86%


Fonte: Creci-SP

UOL Cursos Online

Todos os cursos