Imóveis: metro quadrado na cidade de São Paulo ultrapassa R$ 6 mil

São Paulo – O preço dos imóveis residenciais novos subiram mais de 10%, entre abril e outubro de 2011, em quatro cidades brasileiras: São Paulo (14%), Rio de Janeiro (18%), Recife (18%) e Porto Alegre (11%). Embora não esteja entre as capitais que mais tiveram aumento, São Paulo tem o valor médio de imóveis novos mais caro das quatro regiões, chegando a R$ 6.019 o metro quadrado.

A cidade do Rio de Janeiro é a segunda a ter o metro quadrado mais caro das quatro regiões, podendo chegar a R$ 6 mil, como revela a pesquisa de preços de imóveis residenciais, apresentada pelo Ibope Inteligência na quarta-feira (26) e divulgada nesta quinta (27).

Na terceira e quarta posições, aparecem Porto Alegre e Recife, com o metro quadrado dos imóveis residenciais, em média, de R$ 4.501 e R$ 4.074, respectivamente.

Usados
Entre os imóveis residenciais usados, a valorização em São Paulo foi menor que em Recife e no Rio de Janeiro. Na capital paulista, a valorização foi de 11%, enquanto na capital pernambucana houve aumento de 20% no metro quadrado dos imóveis residenciais usados e na capital fluminense alta de 19%. Já em Porto Alegre, a valorização foi 8%.

Na pesquisa dos imóveis usados, São Paulo ficou em segundo lugar, com preço médio do metro quadrado de R$ 4.979, sendo mais barato que o metro quadrado carioca, cotado a R$ 5.106.

Em Recife, foi encontrado o terceiro metro quadrado mais caro entre as quatro regiões, com valor médio de R$ 3.305. Já em Porto Alegre é possível encontrar imóveis usados mais baratos que nas outras cidades, sendo que, em média, o metro quadrado na capital gaúcha custa R$ 2.922.

UOL Cursos Online

Todos os cursos