Venda de imóveis em SP surpreende e supera 35 mil unidades em 2009

Vivian Pereira

SÃO PAULO, 23 de fevereiro (Reuters) - As vendas de imóveis residenciais novos na cidade de São Paulo superaram as estimativas e totalizaram 35.832 unidades em 2009, afirmou nesta terça-feira o Secovi-SP, sindicato que representa o setor na capital paulista.

De acordo com a entidade, a expectativa era de encerrar o ano com vendas de 33 mil unidades. Os lançamentos no ano passado totalizaram 30.128 unidades, volume inferior ao lançado em 2008, que foi de 34,5 mil unidades.

Para 2010 o Secovi prevê crescimento de cerca de 10 por cento em lançamentos de imóveis residenciais na cidade de São Paulo, enquanto as vendas devem avançar em 5 por cento. Com isso, devem ser vendidas 37 mil unidades em 2010 e lançadas 33 mil.

"A recente alta nos lançamentos pode ser atrelada à recuperação após meses seguidos de timidez. Já as vendas atingiram a retomada necessária durante o ano passado, confirmando que a confiança do consumidor está nos mesmos níveis do período pré-crise de 2008", afirmou Celso Petrucci, economista-chefe do Secovi-SP.

UOL Cursos Online

Todos os cursos