Com menos lançamentos, lucro da Gafisa cai 79% no primeiro trimestre

SÃO PAULO - A construtora e incorporadora Gafisa encerrou o primeiro trimestre do ano com lucro líquido de R$ 13,7 milhões, o que corresponde a uma redução de 79% quando comparado ao ganho do mesmo período do calendário passado, de R$ 64,8 milhões. O lucro líquido ajustado pela dedução dos minoritários e programa de opções de ações ficou em R$ 24,1 milhões, o que equivale a um recuo de 69,7% na comparação com o primeiro trimestre de 2010.

Entre janeiro e março, as vendas contratadas somaram R$ 822 milhões, 4% a menos do que no trimestre inicial do ano passado. O desempenho da companhia foi influenciado pela redução de 27% do volume de lançamentos, que totalizaram R$ 513 milhões. Além do cronograma mais fraco do que o esperado para o início do ano, o atraso na licença de alguns projetos, principalmente na Tenda, acabaram influenciando no total de lançamentos. Segundo a companhia, os projetos postergados devem ser lançados até junho. Até agora, a Gafisa cumpriu 10% de sua meta de lançamentos para o ano, que é de entre R$ 5 bilhões e R$ 5,6 bilhões. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortizações (Ebitda, na sigla em inglês), quando ajustado por despesas associadas com planos de opções, diminuiu 36,8%, para R$ 106,5 milhões. A margem Ebitda ajustada, por sua vez, encolheu de 18,6% para 13,3% em 12 meses.

A receita operacional líquida foi 12% menor nos três meses até março, de R$ 800,4 milhões, reflexo do baixo volume de lançamentos em 2009, já que a receita é reconhecida em função do andamento da obra. A companhia acredita que o primeiro trimestre deve ser o mais afetado, pois já estão sendo iniciadas as obras referentes aos lançamentos do segundo semestre, com margens maiores.

Até março, a Gafisa entregou 18 projetos e 3.060 unidades, o que corresponde a um valor geral de vendas (VGV) de R$ 524,9 milhões. Neste ano, a companhia espera entregar cerca de 25 mil unidades, quase o dobro do número registrado em 2010, devido, principalmente, à entrega dos empreendimentos mais antigos da Tenda, além das unidades Gafisa contratadas em 2007.

(Ana Luísa Westphalen | Valor)

UOL Cursos Online

Todos os cursos