Venda de material de construção fecha julho em estabilidade

SÃO PAULO - O varejo de material de construção apresentou estabilidade nas vendas em julho, na comparação com o mesmo período do ano passado. Segundo pesquisa divulgada pela Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), na comparação com o mês anterior o setor registrou alta de 1,5%.

Os tubos de PVC e o cimento foram os maiores responsáveis pelo baixo desempenho, com queda nas vendas de 5% e 4%, respectivamente, entre junho e julho. Puxando o desempenho estão interruptores, plugues e tomadas, que subiram 2,5% no mesmo período.

Para Cláudio Conz, presidente da Anamaco, o resultado decepcionou, já que a pesquisa anterior "mostrava uma expectativa muito positiva de que julho seria um mês muito forte em vendas". Porém, o setor segue otimista, com 57% dos entrevistados acreditando em uma forte recuperação em agosto.

(Fábio Almeida | Valor)

UOL Cursos Online

Todos os cursos