Sallomeh mistura ciganas, indianas e povo nômade em desfile do Amni Hot Spot

Carolina Vasone
UOL Moda, de Belo Horizonte

  • Fernanda Calfat

    Desfile Sallomeh no Amni Hot Spot

    Desfile Sallomeh no Amni Hot Spot

A grife Sallomeh misturou várias influências - de ciganas a Frida Kahlo -numa coleção inspirada numa música de Jorge Benjor, "Taroueg", na verdade o nome de um povo nômade muçulmano.

O azul - cor dos Taroueg - apareceu reinterpretado pela dupla de estilistas Carol e Gabi Rahal em tons puxados para o lilás e o violeta. A dupla construiu os looks pensando em "princesas", tema recorrente da marca. Os muitos vestidos, todos longos, traziam bordados e aplicações em tecidos leves, que remetiam a um estilo meio indiano (dos vestidos indianos comprados no Brasil), meio cigano, cheio de enfeites.

Da inspiração inicial de Frida Kahlo ficou apenas um modelo, um vestido preto de cintura marcada, saia rodada, com estampa de xadrez laranja.

Além do azul, o bordô e o preto apareceram bastante na coleção.

UOL Cursos Online

Todos os cursos