Tecidos da Rosa Chá são criados em parceria com fornecedores

Desde a coleção de verão 2007 a Rosa Chá não desfila mais no Brasil e sim na Semana de Moda de Nova York. "Acompanhamos o calendário com as datas nacionais pois o nosso showroom acontece durante a temporada de moda daqui", conta Amir Slama, diretor criativo da marca.

Em 2006 a Rosa Chá passou a fazer parte do grupo Rosa Chá Studio, que tem como sócios Amir Slama e o grupo Marisol.

A Rosa Chá inovou a moda praia nacional ao criar peças inusitadas com formatos totalmente novos. "É um trabalho arquitetônico, a modelagem tem de ser muito apurada. Cada vez que desenvolvemos um novo sutiã, a modelagem parte do zero. Às vezes tentamos 20, 30 vezes até acertá-la", afirma Slama. Só depois de todo esse trabalho é que as peças são enviadas para a fábrica no sul, para que sejam produzidas em grande escala. A produção das peças parte de um primeiro conceito, depois é desenvolvida uma cartela de cores, texturas, estruturas e silhueta. Os tecidos são criados em parceria com fornecedores.

Leia a reportagem completa aqui.

UOL Cursos Online

Todos os cursos