Maria Garcia estréia no SPFW com coleção inspirada em Coney Island

FERNANDA SCHIMIDT
Do prédio da Bienal

  • Alexandre Schneider/UOL

    Camila Finn de regata com skinny para Maria Garcia

    Camila Finn de regata com skinny para Maria Garcia

A Maria Garcia, segunda marca de Clô Orozco, da Huis Clos, fez sua estréia no São Paulo Fashion Week, com desfile da temporada Verão 2009, que abriu a programação do evento neste domingo (22), no prédio da Bienal, no Parque do Ibirapuera.

Assinada por Camila Cutolo, a coleção propôs peças inspiradas na história de Coney Island, ilha localizada no Brooklin, em Nova York, a partir das fotos de Peter Granser, publicadas em "O Paraíso Democrático", e da música "Coney Island Baby", de Lou Reed, presente na trilha sonora de Max Blum.

Os looks caminham por três momentos, que representam a história da ilha: O Paraíso, A Praia e O Declínio. Inicialmente, as peças priorizaram os tons bebê, com azul e rosa em tecidos estampados ou lisos - como no vestido de abertura, com faixas amarradas nas costas. A seguir, passaram para cores mais fortes, como no vestido amarelo desfilado por Viviane Orth, em que as mangas ganhavam sobreposições e a barra, bordados dourados. Por fim, tecidos brilhosos (últimos looks, na regata com skinny de Camila Finn ou no vestido de Bruna Tenório) e paetês que criavam áreas luminosas em shorts, blusas e vestidos.

A silhueta da Maria Garcia para o Verão 2009 é próxima ao corpo, com alguns vestidos um pouco mais volumosos, como um laranja, curto, na fase A Praia. Looks mais casuais apareceram na forma de malhas e peças de algodão, entre eles a produção de Daiane Conteratos, com calça marinho mais seca e blusa de listrinhas de manga comprida e com gola de babado.


SPFW: Maria Garcia desfila coleção inspirada em Coney Island
COMENTE E ENVIE O VÍDEO

UOL Cursos Online

Todos os cursos