Encontre seu "sapatinho de cristal" para casar com estilo e conforto

MILENE SPINELLI

Colaboração para o UOL

  • Divulgação

    Sapato em cetim de seda branco, com plataforma interna e fivela com cristais Swarovski da marca Kila, especializada em sapatos de noiva

    Sapato em cetim de seda branco, com plataforma interna e fivela com cristais Swarovski da marca Kila, especializada em sapatos de noiva

O casamento, decididamente, não é o melhor dia para a mulher descer do salto. Pelo contrário, este é o momento em que a noiva é a principal estrela da festa, a mais bela entre as belas do salão. O sapato, portanto, precisa ser bonito, mas confortável para suportar horas em pé, em poses para as fotos e passos de dança com o noivo, o pai, os amigos.

A variedade de modelos de "sapatinhos de cristal" para cinderelas casadoiras é farta: vai do clássico scarpin de bico fino aos modelitos com bico arredondado, além de sandálias e "peep toes" com detalhes como strass, paetês e glitter. A escolha do sapato deve levar em conta o horário e o estilo da cerimônia e da noiva, o tipo de salto e o vestido que será usado no grande dia. Para quem faz questão de algo personalizado, há também modelos feitos por encomenda, confeccionados de forma exclusiva e de acordo com as medidas do pé da noiva. 

O modelo ideal

A preocupação com a escolha do vestido é tanta que às vezes as noivas se esquecem da importância do sapato. “O calçado é também responsável pelo andar elegante da noiva e, para isso, ela precisa se sentir segura, bonita e sexy ao usá-lo. A maioria das clientes prefere sapatos a sandálias, pois, além de mais clássicos e elegantes, oferecem mais estabilidade e apoio ao tornozelo. Os modelos mais pedidos são os 'peep toes' em cetim, que estão com tudo”, acredita Alexandre Birman, designer de sapatos queridinho das celebridades norte-americanas, que comercializa calçados prontos e também feitos por encomenda (neste caso, a noiva escolhe o modelo e o material de sua preferência).

Outro ponto importante é ficar atenta à boa qualidade do material utilizado na confecção do sapato, que normalmente é feito em couro, cetim ou camurça. “A boa fabricação do calçado exige uma forma bem feita, de acordo com o tipo de pé. Prefira os com forro em pelica de cabra ou couro legítimo e não sintético, e com costuras precisas, para não correr o risco de arrebentar”, diz Sarah Chofakian, designer de sapatos artesanais, que tem o romantismo como marca em suas coleções e clientes como a top Gisele Bünchen e a atriz Gabriela Duarte.

Conforto

Nem mesmo os designers de sapatos de luxo, reconhecidos mundialmente por suas habilidades em traduzir o desejo das mulheres por modelos considerados verdadeiras obras de arte esquecem o conforto na hora de calçar os pés das noivas. “Além de bonito, o sapato precisa ser confortável e dar estabilidade e firmeza ao caminhar. Por isso, o ideal é que a sola tenha uma plataforma grossa”, afirma Alexandre Birman. 

Adepta do conforto em suas coleções, Sarah Chofakian concorda. “Se optar por salto alto, leve um modelo com uma pequena plataforma, que não fica tão elegante, mas é mais confortável. Nesse caso, o ideal é que o sapato não apareça muito, o que acontece quando o vestido é longo”, afirma.

Para cansar menos durante a festa, prefira sapatos com salto mais grosso e palmilha acolchoada, que diminui o atrito do pé com o piso. “É importante que a noiva esteja segura e habituada a usar o estilo de sapato escolhido. As plataformas estilo meia-pata [aquelas acopladas apenas na parte da frente do sapato] em geral são elegantes e confortáveis, por deixarem o pé menos inclinado, o que acaba cansando menos”, diz o sapateiro Jorge Bischoff.

Em relação ao conforto do salto, Orlando Pereira, proprietário e responsável pelo desenho dos sapatos da loja Kila, dá a dica: “Para ter mais conforto durante o casamento recomendo salto com 7,5 centímetros. Também é válido adquirir o calçado com antecedência e usá-lo em casa, o que pode torná-lo mais macio e confortável no dia da cerimônia. Leve-o também para a prova do vestido - portanto, o ideal é adquirir primeiro o sapato e depois a roupa”, diz o empresário da loja considerada uma das melhores no ramo de sapatos de noiva.

Como combinar sapato e vestido

Os vestidos longos geralmente escondem o pé, mas, mesmo assim, a escolha do sapato deve estar alinhada com a roupa da noiva. “A tonalidade dos dois (sapato e vestido) deve ser exatamente a mesma. Para não errar, as noivas ficam lindas com sapatos clássicos e românticos, forrados com o próprio tecido do vestido”, acredita Sarah Chofakian.

Vestido e sapato precisam estar em harmonia e, em prol da elegância, um não pode competir com o outro. “Quando a roupa tem muita informação, o calçado deve ser mais clássico e sem adereços. Também é importante observar o comprimento do vestido e se ele tem aberturas – quanto maiores, mais destaque pode ter o sapato. Aí sim vale investir em modelos com mais detalhes”, afirma Jorge Bischoff.

Antes de escolher o figurino, as noivas também precisam avaliar o estilo e o horário da cerimônia. “Casamentos noturnos e na igreja pedem produções mais tradicionais e formais, como scarpins bem cavados, com salto médio ou alto, ou 'peep toes' não muito abertos. Já para casamentos diurnos e informais, vestidos mais leves caem melhor. Para acompanhá-los, aposte em sandálias, 'peep toes' com salto baixo ou rasteirinhas. Vestidos curtos combinam com saltos altos, preferencialmente em calçados abertos, que deixam os pés à mostra e são mais leves”, diz a designer Paula Ferber, que cria sapatos de alto padrão e também exclusivos para noivas.

O tipo físico da mulher também influencia na hora de escolher o sapato. “Noivas mais baixas e cheinhas ficam mais elegantes com saltos altos, que alongam o corpo. Já as altas e magras têm mais liberdade para usar modelos baixos ou sem salto”, afirma a estilista, que completa: “Se o vestido tiver renda ou cetim, o mesmo material pode estar em algum detalhe do sapato”.

Por encomenda

A melhor garantia para obter um sapato que suporte as longas horas de cerimônia e festa sem machucar o pé é comprar um modelo feito por encomenda. “Os sapatos são confeccionados de forma artesanal e exclusiva, no tecido do vestido ou em couro. Tiramos as medidas dos pés para termos uma base sobre o que fazer se, por exemplo, for preciso aumentar ou diminuir meio número do calçado. Às vezes é necessário fazer o comprimento de um sapato número 35, com a base de um 36”, explica Orlando Pereira, da Kila.

A loja do sapateiro de luxo Fernando Pires também disponibiliza o serviço. “Normalmente, provamos as formas e as alturas dos saltos e, se houver necessidade, também tiramos as medidas dos pés em casos especiais”, finaliza o designer.

Salto, para que te quero

As mulheres que não se adaptam ao salto de jeito nenhum podem ficar tranquilas.  Há opções de saltos médios, baixos e até rasteirinhas. “A noiva não precisa, necessariamente, casar com salto alto. O importante é sentir-se bem com o próprio estilo. Dependendo do tipo de cerimônia há noivas que optam por usar saltos anabelas, mais confortáveis, e até mesmo rasteiras, que são uma ótima opção também para casamentos na praia e no campo. Há modelos lindos e cravejados com pedras, que podem deixá-las tão bonitas quanto se usassem um salto altíssimo”, conta o sapateiro Jorge Bischoff.

Outro ponto fundamental que deve ser levado em consideração na hora de escolher o tamanho do salto é a altura dos noivos. “Quando a mulher é mais alta do que o homem, é melhor optar por um sapato sem salto, para os dois não ficarem tão desarmônicos no altar. Já quando a noiva quer crescer mais porque é baixinha e o noivo é muito alto, o ideal é aliar ao salto uma meia pata. Para scarpins há o truque da plataforma invisível, característica das minhas coleções desde a década de 90”, diz o designer Fernando Pires.

Cada um com seu estilo

Foi-se a época em que as noivas casavam apenas com vestidos e sapatos brancos, fechados e tradicionais. E, já que vai pagar caro num modelo à altura de um dia tão importante como o casamento, por que não aproveitar e levar para casa um sapato que possa ser usado depois também? Afinal, branco, prata, dourado e tons de "nude" nunca saem de moda, mas também é possível optar por modelos coloridos, que são ainda mais fáceis de serem usados em outras ocasiões após a cerimônia.

Quando se trata de estilo, não há regras e a escolha do sapato é muito pessoal. O designer Jorge Bischoff dá a dica: “Noivas com atitude e mais ousadas podem combinar vestido branco com buquê e sapato framboesa, que fica um luxo”, diz.  "O scarpin branco e clássico, em diversas alturas e formatos de saltos ainda é muito usado pelas noivas, mas também já fiz botas de cano longo e curto para as mais modernas e sapatos em cores fortes, como vermelho e pink combinando com o buquê”, complementa Fernando Pires, conhecido por suas coleções mais ousadas, com plataformas e saltos altíssimos e com detalhes em renda, strass e muito brilho. 

 

Serviço: Dez lojas e designers de sapatos que vendem modelos para noivas

 

Alexandre Birman. Tel.: 11 3068-8677 / WWW.alexandrebirman.com.br

Arezzo. Tel.: 11 3081-4929 / WWW.arezzo.com.br

Christian Louboutin. Tel. 11 3032-0233 / WWW.christianlouboutin.com

Durval Calçados. Tel.: 11 5041-6228 / WWW.durvalcalcados.com.br

Fernando Pires. Tel.: 11 3068-8177 / WWW.fernandopires.com.br

Jimmy Choo. Tel.: 11 3552-2052 / WWW.jimmychoo.com.br

Jorge Bischoff. Tel.: 11 3060-9929 / WWW.jorgebischoff.com.br

Kila. Tel.: 11 3081-1416 / WWW.kila.com.br

Sarah Chofakian. Tel.: 11 3081-3164 / WWW.sarahchofakian.com.br

Schutz. Tel.: 11 4508-1492 / WWW.schutz.com.br

UOL Cursos Online

Todos os cursos