Lisboa quer pegar turistas "pela boca" com cozinha de vanguarda

da Lusa, em San Sebastián (Espanha)

  • Folha Imagem

    Bacalhau é um dos pratos portugueses mais populares no Brasil

    Bacalhau é um dos pratos portugueses mais populares no Brasil

Os turistas que visitam Lisboa elegem a gastronomia como uma das principais atrações da cidade, segundo dados da Associação de Turismo lisboeta, que quer afirmar a cozinha como um produto turístico da capital.

De acordo com dados do Observatório do Turismo de Lisboa, baseados em pesquisas sobre o grau de satisfação dos turistas realizadas em abril, junho e agosto deste ano, "jantar fora" figura entre as cinco principais atividades dos visitantes, com uma média de 62%, enquanto "gastronomia e vinhos" aparece entre os sete primeiros lugares desta lista, com 29% das preferências.

"O objetivo do Turismo de Lisboa é criar em torno da gastronomia um produto que possa ser mais um fator de atração para a região", aproveitando a "boa cozinha, a tradicional e também a de vanguarda" que se faz em Portugal, defendeu Duarte Calvão, da Associação de Turismo de Lisboa (ATL). "Temos de dar ao visitante a imagem que Lisboa tem muitas coisas típicas, mas também tem o lado da modernização", destacou.

Duarte Calvão falou à agência Lusa a propósito da presença de seis cozinheiros portugueses e um sérvio, todos trabalhando na região de Lisboa, que representam o país no congresso "O Melhor da Gastronomia", que reúne os melhores cozinheiros do mundo nesta semana San Sebastián, Espanha.

Na opinião do responsável, a participação inédita dos sete chefes neste encontro, a convite da organização do congresso, "é a mostra que Portugal, além de ter uma cozinha regional riquíssima, também está conseguindo adaptar essa cozinha aos tempos atuais, pondo em evidência a qualidade dos produtos nacionais".

Fausto Airoldi, Henrique Sá Pessoa, José Avillez, Luís Baena, Bertílio Gomes, Vítor Sobral e Ljubomir Stanisic apresentam nesta manhã um "percurso pela cozinha de vanguarda portuguesa" e oferecem um jantar, na quarta-feira à noite, sob o lema "Lisboa, Capital Atlântica", em que os peixes e mariscos portugueses estarão em destaque.

Estes produtos serão também a base das ementas a serem apresentadas pelos cozinheiros que participarão da mostra "Peixe em Lisboa", que ocorre entre 18 e 26 de abril do próximo ano.

Depois da primeira edição, em abril deste ano, ter atraído mais de 15 mil visitantes, o Turismo de Lisboa, que organiza o evento, vai apresentar em 2009 um novo conceito, ampliando a participação a cozinheiros portugueses trabalhando fora de Lisboa e convidando chefes estrangeiros, anunciou Duarte Calvão.

Presenças já confirmadas neste evento são a de Dieter Koschina (Vila Joya, no Algarve, o único cozinheiro em Portugal com duas estrelas do guia Michelin), Pedro Nunes (São Gião, Moreira de Cónegos), Paulo Pinto (Grand Real Villa Itália, Cascais) e Henrique Sá Pessoa e José Avillez, ambos participantes na primeira edição do "Peixe em Lisboa".

UOL Cursos Online

Todos os cursos